Paraquedistas sérvios treinam descida em "rappel" a partir de helicóptero H145M


Niš, Sérvia
27 de Março de 2024

Militares sérvios da 63.ª Brigada Paraquedista ("63. падобранске бригаде") em treinos com helicóptero Airbus H145M da 119.ª Esquadra Mista de Helicópteros ("119. мешовита хеликоптерска ескадрила") - "Dragões" da Força Aérea Sérvia na Base Aérea Sargento-Piloto Mihajlo Petrović ("Наредник-пилот Михајло Петровић"), em Niš ("Ниш"), Sérvia, a cerca de 200 km a Sudeste da capital, Belgrado, a 27 de Março de 2024.

Os paraquedistas, a executarem técnica de descida em "rappel", estão aqui aqui armados com Heckler & Koch UMP ("Universale Maschinenpistole"), em calibre 9x19mm, com coronha rebatível, óptica holográfica EOTech e "fore grip".

Fabricado pela Airbus, o H145M é um helicóptero propulsionado por dois motores Arriel 2E de 894 shp cada, que lhe permitem uma velocidade de cruzeiro de 241 km/h, com um alcance operacional de 637 km, e uma janela operacional de até 3 horas e meia. Com um peso máximo à descolagem de 3 800 kg, pode transportar um carga interna de 1 893 kg ou, no exterior em guincho, até 1 600 kg. Com 2 tripulantes, pode transportar mais 10 passageiros. Pode ser armado com "pods" de metralhadora pesada calibre 12,7mm, canhão de 20mm, foguetes de 70mm, bem como mísseis guiados.

Conta com sistema electro-óptico (na foto, ao centro, sob a fuselagem), com plataforma de guerra-electrónica e de contra-medidas antí-míssil ("flares"), bem como de calhas, ao topo das portas laterais, para suporte aos cabos para descida em "rappel" / "fast rope".

As Forças Armadas da Sérvia encomendaram 9 unidades do helicóptero Airbus H145M, contando actualmente com 5 unidades já ao serviço, a primeira das quais recebida a 26 de Junho de 2019.

Foto via Ministério da Defesa da República da Sérvia




Emblema da 63.ª Brigada Paraquedista ("63. падобранске бригаде") das Forças Armadas da Sérvia

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

Formação de 6 navios da Marinha da Federação Russa acompanhados por meios aeronavais da Marinha e Força Aérea Portuguesas