Navios da Marinha Ucraniana em manobra do Sul de Inglaterra


Portsmouth, Inglaterra | 11 de Abril de 2024

Navio "Chernhiv" ("Черкаси"), número de amura M311, da Marinha Ucraniana, a entrar no Porto de Portsmouth, no Sul de Inglaterra, a 11 de Abril de 2024. Em segundo plano podemos observar a Praia de Hotwalls, geo-referenciação 50.79001481231192, -1.1079315113875405 , ref. https://maps.app.goo.gl/7Ln34TYtDZ1kijH67 , com a "Square Tower" (de 1494) à direita na foto, a muralha da cidade e, mais ao fundo, à esquerda na foto, a torre da Catedral de Portsmouth e, por último, no extremo esquerdo da foto, a "Round Tower" (ca. 1490).

A par do "Cherkasy" ("Чернігів"), número de amura M310, tratam-se de dois navios, ex-"Royal Navy", da classe de "draga-minas" Sandown (ex HMS Shoreham, M122 e ex HMS Grimsby, M108, respectivamente), cedidos pelo Reino Unido à Ucrânia conforme acordo de entendimento celebrado a 21 de Junho de 2021, em Odesa.

Os dois navios foram preparados e re-qualificados nos estaleiros da Babcock, na cidade de Rosyth, na margem oposta a Edinburgh, na Escócia e, após 18 meses de formação às guarnições ucranianas (prestada pela "Fleet Operational Standards and Training" (FOST) da "Royal Navy") e já operados pelas mesmas e integrados ao serviço da Marinha da Ucrânia, operam a partir de agora da Base Naval de Portsmouth, preparando-se para participar na edição de 2024 do exercicio operacional "Sea Breeze", promovido pelo Reino Unido e Estados Unidos. A edição de 2021 deste exercício anual (realizado desde 1997 no Teatro de Operações do Mar Negro), decorreu de 18 de Junho a 10 de Julho de 2021, a partir de Odesa na Ucrânia.

Estes dois navios não podem dar entrada no Mar Negro, e alcançar Odesa (Comando das Forças Navais da Ucrânia), dada a restrição colocada pelo Artigo 19.º da Convenção de Montreux, de 1936, que proíbe a entrada de navios militares de beligerantes pelo Estreito do Bósforo em tempo de guerra.

A classe "Sandown" tem 52,5 metros de comprimento, 10,5 metros de boca e um calado de 2,3 metros, desloca 600 toneladas, com uma velocidade máxima de 13 nós. Com um guarnição de 34 elementos estão equipados com o sistema automatizado de detecção de minas Atlas Elektronik IMCMS ("Integrated Mine Countermeasures System"), estando armados com uma peça de 30mm, DS30M Mark 2, à vante; com 3 metralhadoras médias calibre 7.62mm (uma em cada bordo da ponte e uma à ré) e 2 "mini guns" calibre 7.62mm (uma em cada bordo em posição à ré da ponte, junto chaminé). A classe conta com 15 navios construídos pela Vosper Thornycroft, entre 1990 e 1992.

Foto por Ollie Leach | Marinha do Reino Unido ("Royal Navy") | MoD | Crown




Vista frontal do "Chernhiv" ("Черкаси"), número de amura M311, da Marinha Ucraniana, a entrar no Porto de Portsmouth a 11 de Abril de 2024. Foto por Ollie Leach | Marinha do Reino Unido ("Royal Navy") | MoD UK | Crown



Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

Formação de 6 navios da Marinha da Federação Russa acompanhados por meios aeronavais da Marinha e Força Aérea Portuguesas