1979 - Assalto e sequestro à Embaixada dos EUA na capital do Irão


Teerão, Irão | 10 de Novembro de 1979

Um dos elementos do movimento "Estudantes Muçulmanos Seguidores da Linha do Imã", armada com espingarda automática Heckler & Koch G3 ("Gewehr 3"), A3, em calibre 7.62×51mm, e a operar um "walkie talkie", a 10 de Novembro de 1979 nos jardins da Embaixada dos Estados Unidos da América (EUA) em Teerão, capital do Irão, após, a 4 de Novembro de 1979, terem, com o apoio do Corpo da Guarda Revolucionária Islâmica, tomado a mesma de assalto e feito reféns 66 cidadãos norte-americanos (diplomatas, militares e funcionários), 52 dos quais ficariam sequestrados pela República Islâmica do Irão, ao longo de 444 dias, até 20 de Janeiro de 1981.

Este assalto e sequestro tem lugar com (Ayatollah) Seyed Ruhollah Khomeini ("سید روح‌الله خمینی") como líder supremo da República Islâmica do Irão, desde o início do ano anterior (11 de Fevereiro de 1978). O movimento "Estudantes Muçulmanos Seguidores da Linha do Imã" ("دانشجویان مسلمان پیرو خط امام"), era dirigido por 5 membros de um comité central: Ebrahim Asgharzadeh (que liderou o plano e a acção sobre a embaixada dos EUA), Mohsen Mirdamadi, Habibullah Bitraf, Reza Seifalhi e Rahim Batani. A expressão "Linha" refere-se à escrita do Imã, no sentido de seguidores e difusores da sua palavra (escrita); sendo o Imã uma referência honorífica ao próprio (Ayatollah) Seyed Ruhollah Khomeini, e incorporada muitas vezes na referência ao movimento como "Estudantes Muçulmanos Seguidores da Linha do Imã Khoemeini".

A G3 era produzida localmente, sob licença adquirida em 1967 à alemã Heckler & Koch, pela "Organização de Indústrias de Defesa" ("سازمان صنایع دفاع"), empresa estatal de desenho e produção de armamento do Irão.

Foto por Mohammad Sayad | Associated Press, AP

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

Formação de 6 navios da Marinha da Federação Russa acompanhados por meios aeronavais da Marinha e Força Aérea Portuguesas