"PANDUR" TREINA EM POSIÇÃO "HULL DOWN" EM SANTA MARGARIDA


Santa Margarida, Constância, Santarém
6 a 15 de Novembro de 2023

Viatura blindada 8x8 Pandur II, armada com plataforma lança mísseis guiados anti-carro TOW ITAS, afecta à Brigada Mecanizada (BrigMec) do Exército Português, no decurso dos exercícios "Dragão" e "Vulcano", no Campo Militar de Santa Margarida (CMSM), em Constância, Santarém, de 6 a 15 de Novembro de 2023. A viatura assume uma posição "hull down", com ocultação do seu chassis, em vala aqui aberta pelos meios de engenharia do Exército Português.

Estes exercícios, envolvendo 80 viaturas e 350 militares da BrigMec, reproduziram cenários de combate de alta intensidade, tendo por objectivo aperfeiçoar as capacidades operacionais (tácticas e de coordenação) da força e garantir os seus níveis de prontidão.

O "TOW ITAS" (acrónimo para "Tube-launched, Optically tracked, Wire-guided Improved Target Acquisition System"), literalmente "Lançado-por-Tubo, Guiado-por-Fio com Sistema de Aquisição de Alvo Melhorado"), é uma plataforma de míssil guiado anti-carro, de fabrico norte-americano, desenhado originalmente na década de 1960 pela Hughes, com diferentes versões e variantes produzidas posteriormente, e com produção actual a cargo da Raytheon - a quem coube já, desde 1999, a versão ITAS. Tem um alcance máximo entre 3 a 4 mil metros, dotada de uma ogiva de 152mm de diâmetro, com 4 a 6 kgs, projectada a uma velocidade de 278 m/s.

Ao serviço do Exército Português desde 2009, a Pandur II 8x8 é uma viatura blindada de rodas, construída pela GDELS-Steyr (Áustria), com um peso de 18 toneladas, uma velocidade máxima de 105 km/h, Com uma guarnição de 1 a 2 militares, podendo transportar até 10 militares equipados, está armada, na sua versão "standard", com uma metralhadora pesada de calibre .50 , ou, em variante, com uma metralhadora de calibre 7,62mm ou um lança-granadas automático de 40mm.

Foto via Exército Português 

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

KA-52 NO ASSALTO AO AEROPORTO "ANTONOV"