POLACOS CRUZAM O RIO NAREW COM PROTECÇÃO ROMENA


Rio Narew, Polónia
Maio de 2023

Viatura blindada anfíbia BWP ("Bojowy Woz Piechoty"), a variante polaca da viatura soviética BMP-1, da 16.ª Divisão Mecanizada ("16 Dywizja Zmechanizowana", DZ16) do Exército Polaco, cruzando o Rio Narew, no Nordeste da Polónia, sob protecção de helicópteros IAR 330 SOCAT (versão de ataque do Aérospatiale SA 330 Puma, construídos sob licença pela romena IAR Brașov) da 713.ª Esquadra de Helicópteros de Combate da 71.ª Base da Força Aérea da Roménia no decurso do exercício "Anakonda", em início de Maio de 2023.

O IAR 330 SOCAT é uma variante de ataque do Aérospatiale SA 330 Puma, equipada com aviónicos melhorados, contra-medidas anti-míssil, e armada, sob o nariz, com canhão automático Nexter THL-20 de 20mm, com 750 munições; contando com 4 pontos fixação exteriores onde pode receber mísseis guiados anti-carro e "pods" de foguetes. A Força Aérea Romena conta actualmente com 21 unidades dos IAR 330 SOCAT, que entraram ao serviço entre 1998 e 2005. "SOCAT" é um acrónimo da designação romena "Sistem Optoelectronic de C˘a utare s¸ i lupt ˘a AntiTanc", literalmente "Sistema Electro-óptico de Busca e Luta Anti-Tanque".

O exercício "Anakonda", cuja fase derradeira de acção em campo se iniciou a 6 de Maio de 2023 e que se prolongará até 16 de Maio de 2023, na Polónia, envolve, além de mais de 12 000 militares polacos, a participação dos Estados Unidos, da Roménia, da Eslovénia, da Suécia, da França, da Estónia, da Letónia, da Lituânia e da Turquia. O "Anakonda" iniciou-se na Polónia como um exercício anual, de âmbito nacional, em 2006, tendo, a partir de 2018, evoluído e crescido para um alargado exercício multinacional e com ciclo trienal.

Foto via "16 Dywizja Zmechanizowana" (DZ16)

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

Formação de 6 navios da Marinha da Federação Russa acompanhados por meios aeronavais da Marinha e Força Aérea Portuguesas