EJECÇÃO DE INVÓLUCROS APÓS DISPARO DE BMP-3


Bakhmut, Donetsk, Ucrânia
Novembro de 2022

Viatura blindada BMP-3 ao serviço das Forças Armadas da Federação Russa, nas proximidades de Bakhmut ("Бахмут"), na região administrativa de Donetsk, no Leste da Ucrânia, em meados de Novembro de 2022. Na sequência dos disparos da sua peça 2A70 de 100 mm podemos observar a ejecção, pela retaguarda, dos respectivos invólucros das munições 3UOF17/19 de alto-explosivo de fragmentação.



O BMP-3 ("БМП-3"), Objecto 688M, é uma viatura blindada anfíbia de lagartas, de 18,7 toneladas, com 7,14 metros de comprimento, com uma velocidade máxima de 72 km/h em estrada e de 45 km/h em campo, produzida pela Kurganmashzavod. Com uma guarnição de 3 elementos, e com capacidade para transportar no seu interior até 7 militares equipados, este BMP-3 está armado na sua torre com uma peça 2A70 de 100mm, de que transporta até 40 munições, e com um canhão automático 2A72 de 30mm, paralelo à direita daquela, com 500 munições (peça esta em falta na unidade que surge em plano mais próximo no vídeo). Conta ainda, à esquerda da peça principal, com uma metralhadora co-axial PKT de 7,62mm. A peça de 100mm pode, além das munições "standard", disparar mísseis guiados anti-carro 9M117 "Bastion" (AT-10 "Stabber"), de que transporta até 8 unidades. Está ainda armada, nos extremos laterais da parte frontal, com mais 2 metralhadoras PKT de 7,62mm.
A abreviatura "BMP" deriva de "Boevaya Mashina Pehoty" ("боевая машина пехоты"), literalmente "Viatura de Combate de Infantaria".
Vídeo por Voenkor Astrakhan (Военкор Астрахань)

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

Formação de 6 navios da Marinha da Federação Russa acompanhados por meios aeronavais da Marinha e Força Aérea Portuguesas