"CORTE REAL" ESCOLTA PORTA-AVIÕES FRANCÊS


Sicília, Mediterrâneo
9 de Março de 2019

Escolta da fragata NRP "Corte Real" (F332) da Marinha Portuguesa, ao porta-aviões "Charles de Gaulle" (R91) da Marinha Francesa, ao largo da Sicília, no Mediterrâneo, a 9 de Março de 2019. Na foto podemos observar uma aeronave Rafale M a acabar de descolar.

A NRP "Corte Real" (F332) partiu para o Mediterrâneo a 27 de Fevereiro de 2019 para uma missão, de 20 dias, de escolta ao porta-aviões da Marinha Francesa "Charles de Gaulle" (R91), com o qual se encontrou, a 4 de Março de 2019, no Porto de Toulon. O "Charles de Gaulle", com um grupo aéreo embarcado, esteve em operação, de Março a Julho de 2019, no Mediterrâneo, no Mar-Vermelho, no Oceano Índico e na região da Ásia-Pacífico.

Durante esta missão, a NRP "Corte Real", comandada pelo Capitão-de-fragata António Coelho Gomes, contou com uma guarnição de 197 militares, com um helicóptero Lynx MK-95 embarcado e o respectivo destacamento de operação, uma equipa de fuzileiros e uma equipa de mergulhadores.​

O "Charles de Gaulle", ao serviço da Marinha Francesa desde 2001, foi lançado à água em 7 de Maio de 1998, desloca 42 500 toneladas, com 261,5 metros de comprimento, 64,36 metros de boca (31,5 metros na linha de água) e 9,43 metros de calado. Propulsionado por dois reactores nucleares Areva K15, tem uma velocidade máxima de 27 nós. Tem uma guarnição de 1 350 elementos a que acrescem 600 elementos afectos ao grupo aéreo. Transporta 30 aeronaves Rafale M, 2 E-2C "Haweye", 2 NFH Caiman Marine, 1 AS565 Phanter ISR e 2 AS365F "Pedro".

O NRP Corte-Real é um navio escolta oceânico com polivalência em sistemas de comando, controlo e comunicações, armas e sensores, de grande versatilidade de emprego. Foi construído em 1991, nos estaleiros da Howaldtswerke-Deutsche Werft, HDW (em Kiel, junto ao mar Báltico, na Alemanha), tendo sido o terceiro navio da classe Vasco da Gama. Entrou ao serviço da Marinha Portuguesa a 22 de Novembro de 1991.

Tem um comprimento de 115,9m, uma boca máxima de 14,2m, deslocando 3 200 toneladas, com uma velocidade máxima de 20 nós na variante de propulsão diesel. Está armado com um peça de artilharia Creusot-Loire de 100mm; com 2x4 mísseis Sea Sparrow (curto alcance de defesa antiaérea); com 2x4 mísseis Harpoon (longo alcance, anti-navio); com 2x3 reparos de tubos lança torpedos MK46; com sistema de defesa antimíssil e superfície, "Close-In Weapons System", CIWS Phalanx, assente num canhão M61 Vulcan 20 mm com 6 canos rotativos; com metralhadoras pesadas de 12,7 mm; e (organicamente) com um helicóptero Westland Lynx Mk95.

Foto por José Godinho

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

KA-52 NO ASSALTO AO AEROPORTO "ANTONOV"