FOGUETES S-13 PARA O "CORVO" RUSSO


Federação Russa
Agosto de 2022

Um Sukhoi Su-25 "Grach" ("Corvo"), designação NATO "Frogfoot", ao serviço das Forças Armadas da Federação Russa, em Agosto de 2022, destinado a operar na linha da frente da região de Shakhtars'k ("Шахтарськ"), Donestsk, no Leste da Ucrânia, a partir da sua base aérea em território Russo, provavelmente em Rostov-on-Don ("Ростов-на-Дону"), a cerca de 170 km a Sudeste, ou em Millerovo ("Миллерово"), a cerca de 160 km a Nordeste.

Está armado, à esquerda do depósito suplementar de combustível, ao centro da asa, com um "pod" B-13L/L1 com capacidade para 5 foguetes S-13 de 122mm . Na sua configuração de alto-explosivo de fragmentação têm 2,97 metros de comprimento, uma massa total de 69 kg com uma ogiva de 32 kg (7kg de alto explosivo), e um alcance até 3 km. No chão temos um conjunto de 6 foguetes S-13 para re-municiamento do "pod" B-13L/L1.

O Sukhoi Su-25 "Grach" ("Грач"; "Rook", "Corvo", cientif. Corvus frugilegus) designação NATO "Frogfoot", é um bimotor (Soyuz/Tumansky R-195), sub-sónico, especializado no apoio de fogo em ataque ao solo na coordenação de ataques de proximidade com as unidades no terreno (CAS, "Close air support"). Na terminologia russa é um "Shturmovík" ("Штурмови́к"). É uma aeronave desenhada com especial atenção à resistência face aos impactos dos meios de defesa anti-aérea, dado o seu perfil operacional envolver, necessariamente, a operação a baixa altitude e baixa velocidade em plena linha da frente do Teatro de Operações.

Tem um alcance máximo de 1 000 km (750 km em operação de combate), com um tecto máximo de 7 000 metros, e uma velocidade de 975 km/h. Está armado com um canhão automático de 30mm, Gryazev-Shipunov GSh-30-2, com 250 munições, dispondo, sob as asas, de um total de 10 pontos para fixação de até 4 400 kg de armamento (foguetes, mísseis, bombas; bem como "pods" ASO-2V de protecção anti-míssil com "chaff" e "flare").

Foto via OSINT

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

KA-52 NO ASSALTO AO AEROPORTO "ANTONOV"