FORÇA AÉREA PORTUGUESA ESCOLTA B-52


Atlântico Norte
10 de Fevereiro de 2022

Caça Lockheed Martin F-16AM (MLU) da Força Aérea Portuguesa (FAP), da Esquadra 301 - "Jaguares", a operar a partir da Islândia, em conjunto com caças Eurofighter "Typhoon" da "Royal Air Force" (RAF), escolta um dos 4 bombardeiros Boeing B-52H Stratofortress da Força Aérea dos Estados Unidos (UASF) que se dirigiram a 10 de Fevereiro de 2022 dos EUA para a base da RAF em Fairford, em Gloucestershire, a cerca de 110 Km a Oeste de Londres, naquele que é o único ponto na Europa para operação regular de bombardeiros pesados da USAF.

Estes bombardeiros B-52H estão afectos à "5th Bomb Wing", sediada na Base da USAF de Minot, no North Dakota. Parte destes B-52H, ainda antes de aterrarem no seu destino final na Base de Fairford, procederem a exercícios de passagem em treino de bombardeamento sobre os campos de campos de tiro da RAF de Tain (Escócia) e Holbeach (Inglaterra).

Este caça da FAP estará afecto, até 30 de Março de 2022, ao "NATO Icelandic Air Policing", fazendo parte de um total de 4 unidades F-16AM (MLU) da FAP (15101, 15106, 15112 e 15107; Esquadra 201 - “Falcões” e Esquadra - 301 “Jaguares”), apoiados no terreno por uma equipa de 85 militares da FAP, a operar a partir da base de Keflavíkna, na Islândia, sob o comando do Major Paulo Silva.

Foto via FAP | NATO

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

Formação de 6 navios da Marinha da Federação Russa acompanhados por meios aeronavais da Marinha e Força Aérea Portuguesas