BRITÂNICOS TREINAM NO QUÉNIA


Campo de Treino de Nanyuki, Quénia
18 de Fevereiro de 2020

Operacionais do 3.º Batalhão do Regimento de Paraquedistas do Exército Britânico em exercícios de fogo-real de armas combinadas, a 18 de Fevereiro de 2020, no decurso do exercício "Askari Storm" no campo de treino de Nanyuki (cerca de 140 km a Norte de Nairobi), no Quénia. A palavra "Askari" significa "soldado" em árabe, turco, somali, persa e swahili.

O militar britânico em primeiro plano está equipado com uma espingarda automática L85A2, em calibre 5.56×45mm NATO, com óptica ELCAN Specter® OS4x LDS ("lightweight optical day sight"), e com lançador de granadas de 40mm Heckler & Koch AG-36 (L123A1). Em segundo plano, apoiada em bipé sobre o terreno, está uma metralhadora ligeira L7A2 GPMG ("General Purpose Machine Gun"), em calibre 7.62×51mm NATO, alimentada por fita.

No decurso deste exercício, envolvendo ainda operacionais da 16.ª Brigada de Assalto Aerotransportado do Exército Britânico e operacionais das Forças de Defesa do Quénia, foram ensaiadas as manobras requeridas para conseguirem deslocar 4 centenas de pessoas de uma zona afectada por um conflito, por um desastre natural ou por um requisito de saúde.

Foto por Cabo Jamie Hart | MoD UK

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

Formação de 6 navios da Marinha da Federação Russa acompanhados por meios aeronavais da Marinha e Força Aérea Portuguesas