"CORTE-REAL" EM EXERCÍCIO DE LUTA ANTI-SUBMARINA


Atlântico Norte
16 de Junho de 2022

A bordo da fragata NRP Corte-Real (F332) da Marinha Portuguesa, classe Vasco da Gama, afecta ao "NATO Maritime Group 1 (SNMG1)", em pleno exercício de luta-anti submarina (ASW) "Dynamic Mongoose" no Atlântico Norte, a 16 de Junho de 2022.

O exercício "Dynamic Mongoose", no seguimento do exercício congénere "Dynamic Manta" (que decorreu de 21 de Fevereiro a 4 de Março de 2022, em redor da Sicília) iniciou-se a 13 de Junho de 2022, no Atlântico Norte, envolvendo a participação de 3 submarinos, 16 aeronaves e 11 navios, sob a égide da NATO, com a participação de forças do Estados Unidos da América, da Noruega, do Reino Unido, de Portugal, do Canadá, da Alemanha, da França, da Dinamarca e da Holanda. A zona onde o mesmo se desenvolve compreende o espaço oceânico entre a Gronelândia, a Islândia, o Norte do Reino Unido e a Noruega (o chamado "GIUK Gap").

A fragata NRP Corte-Real (F332), deslocando 3 200 toneladas e com 115,9 metros de comprimento, sob comando do capitão-de-fragata Luís Carmo Falcato e com 176 militares embarcados, incluindo duas equipas constituídas por militares fuzileiros, uma equipa de mergulhadores e um médico naval, largou da Base Naval de Lisboa a 25 de Maio de 2022, e integra assim a Força Naval Permanente da NATO n.º 1 ("Standing NATO Maritime Group 1", SNMG1), onde se manterá até 16 de Setembro de 2022, operando no Mar Báltico, no Mar do Norte e no Atlântico Norte.

Foto via Comando Marítimo da NATO (NATO MARCOM)

Comentários

Mensagens populares deste blogue

SUBMARINO ESPANHOL DISPARA TORPEDOS DE ENSAIO

"DRONE" DE FABRICO PORTUGUÊS NA UCRÂNIA

KA-52 NO ASSALTO AO AEROPORTO "ANTONOV"